Resenha: Paraíso Perdido- John Milton; Pablo Aulladel

PARAISO_PERDIDO_1523284449769858SK1523284449B

Ficha Técnica: 

Título: Paraíso Perdido

Autor (a): John Milton; Pablo Aulladel

Editora: Darkside Graphic Novel

Gênero: Fantasia/ HQ

Edição: 1º

Páginas: 320

Ano: 2018

Sinopse:

Um clássico da literatura mundial adaptado pela primeira vez em uma graphic novel única e essencial. Há 350 anos, o conflito entre Deus e Satã narrado em Paraíso Perdido, obra-prima de John Milton, virou um marco na literatura. Seus dez mil versos sobre a criação do mundo, a tentação e o desejo por redenção receberam reconhecimento instantâneo e serviram de inspiração para peças de teatro, músicas, pinturas e livros, ecoando na obra de mestres como Mary Shelley, C.S. Lewis, Philip Pullman e Neil Gaiman. Agora, a obra colossal foi reimaginada pelo premiado ilustrador espanhol Pablo Auladell. Com seu traço sombrio, quase desolado, o tributo captura o lirismo de Milton para quem ainda não teve o prazer de ler os cantos originais. Ao mesmo tempo, complementa a experiência do leitor, dando ainda mais vida ao texto. A graphic novel inspirada na grande obra de Milton chega para fazer parte da linha DarkSide Graphic Novel numa edição que deixaria Adão em apuros, com capa dura, bordas douradas e todo aquele cuidado que os fãs já esperam — e merecem. Chegou a hora da redenção.

Resenha:

Adaptação da obra Paraíso Perdido de John Milton, em formato de graphic novel, ilustrações feitas por nada menos que Pablo Aulladel.

A Hq fala trata da eterna luta entre o bem e o mal, iniciando-se com uma guerra entre os anjos que culminou com a queda de muito deles, história essa que todos conhecemos muito bem, não é mesmo?

34_06-620x465

A queda de satã, acabou sendo mais prejudicial do que se imaginava inicialmente, além de perder 1/3 de seus anjos, Deus ainda teve que lidar com a tentação que o demônio incutiu em sua nova criação “o homem”.

John Milton nos agracia com uma nova interpretação desses fatos, nos revelando nuances que talvez tenham passado despercebidas para alguns durante a leitura da bíblia.

paraiso-perdido-john-milton-pablo-auladell-darkside-capa-promo-2

Outro ponto positivo é a qualidade gráfica da Hq, a edição está de tirar o folego de tão linda e ainda vem acompanhada de um marca página em formato de maça mordida (fruto proibido). Só tenho que parabenizar mais uma vez o trabalho da @darksidebooks.

Bjos!

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s