Resenha: O Oitavo Vilarejo- Gustavo Rosseb

AS_AVENTURAS_DE_TIBOR_LOBATO_1460977850511857SK1460977850B

Ficha Técnica: 

Título:  O Oitavo Vilarejo ( As Aventuras de Tibor Lobato)

Autor (a): Gustavo Rosseb

Editora:  Jangada

Gênero: Literatura Brasileira/ Fábula

Edição: 1º

Páginas: 224

Ano: 2016

Sinopse:

Depois de perder os pais num terrível incêndio e passar dois anos num orfanato, Tibor Lobato e a irmã Sátir são encontrados pela avó e vão morar em seu sítio, onde fazem amizade com Rurique, bom conhecedor das lendas e histórias do lugar. Na época da quaresma, coisas muito estranhas acontecem na região. Seres fantásticos e assombrações passam a aterrorizar os habitantes dos Sete Vilarejos.
Os amigos começam a correr perigo quando descobrem segredos sinistros que ligam a família dos irmãos a esses seres fantásticos e a um lendário Oitavo Vilarejo. A partir daí, inicia-se uma aventura cheia de magia, que os levará a reconhecer e valorizar virtudes como lealdade, coragem, esperança e amizade.

Resenha:

Esse é o primeiro livro de uma coletânea escrita por Gustavo Rosseb, é que tem como personagens alguns dos seres mágicos das lendas e folclores brasileiro, tais como: O Curupira, Saci, Cuca, Mula sem cabeça…

Gustavo, fez a junção de algumas fábulas, com elementos da igreja católica ( período da quaresma) para criar essa história envolvente, que desperta no leitor um sentimento de aconchego vindo da infância, afinal todos nós já escutamos falar de pelo menos um dos personagens ali descritos.

O livro conta a história de  Tibor e Sátir, dois irmãos que perderam os pais em um incêndio e acabaram indo parar em um sombrio orfanato, de onde foram resgatados graças aos esforços da avó paterna.

Dona Gailde, é uma senhorinha muito amorosa, que adora mimar os netos e fazer guloseimas para esses, em seu sitio , os meninos entram em contato com um mundo de fantasia, ao qual eles não tinham acesso antes, além de criarem laços de amor e amizade com pessoas que vão acompanha-los em muitas aventuras.

Rurique, é outro personagem que acrescenta muito a história, uma vez que esse jovem se torna amigo das duas crianças, criando um contraponto com Tibor, e despertando em  Sátir um sentimento de inquietação, advindo dos desafios lançados, que os acabam levando os jovens a embarcar em algumas situações de perigo extremo.

O autor conseguiu criar um universo propicio para a junção de todas as lendas ali expostas, além de transmitir o verdadeiro significado do amor, de uma forma clara e acessível aos leitores de todas as idades, Gustavo também nos fez imergir em nossa cultura, algo que infelizmente está sendo deixado de lado por outros autores que preferem reverenciar o que vem de fora, esquecendo a riqueza cultural de que dispomos.

Recomendo a leitura.

Bjos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s