Resenha: O Nome do Vento- Patrick Rothfuss

O_NOME_DO_VENTO_151503776240413SK1515037764B

Ficha Técnica: 

Título: O Nome do Vento

Autores: Patrick Rothfuss

Editora: Arqueiro

Gênero: Fantasia

Edição: 1º

Páginas: 656

Ano: 2009

Sinopse:

Ninguém sabe ao certo quem é o herói ou o vilão desse fascinante universo criado por Patrick Rothfuss. Na realidade, essas duas figuras se concentram em Kote, um homem enigmático que se esconde sob a identidade de proprietário da hospedaria Marco do Percurso.
Da infância numa trupe de artistas itinerantes, passando pelos anos vividos numa cidade hostil e pelo esforço para ingressar na escola de magia, O nome do vento acompanha a trajetória de Kote e as duas forças que movem sua vida: o desejo de aprender o mistério por trás da arte de nomear as coisas e a necessidade de reunir informações sobre o Chandriano – os lendários demônios que assassinaram sua família no passado.
Quando esses seres do mal reaparecem na cidade, um cronista suspeita de que o misterioso Kote seja o personagem principal de diversas histórias que rondam a região e decide aproximar-se dele para descobrir a verdade.
Pouco a pouco, a história de Kote vai sendo revelada, assim como sua multifacetada personalidade – notório mago, esmerado ladrão, amante viril, herói salvador, músico magistral, assassino infame.
Nesta provocante narrativa, o leitor é transportado para um mundo fantástico, repleto de mitos e seres fabulosos, heróis e vilões, ladrões e trovadores, amor e ódio, paixão e vingança.

Resenha:

Esse livro me assustava pelo seu tamanho, quase cheguei a vende-lo sem ler, ainda bem que não o fiz.

Aqui temos uma fantástica fantasia épica, que me prendeu em sua trama, com seus personagens bem construídos e cenários incríveis.

Kvothe é o protagonista, ele narra as suas aventuras como membro de trupe, garoto órfão em uma cidade grande e por fim como aluno da universidade.

Desde o inicio da narrativa sabemos que ele é uma lenda, todos contam versões alteradas da sua vida, aumentando em alguns pontos, diminuindo em outros. Mas algo aconteceu, ele está escondido em uma pequena cidade com um amigo, onde ele se passa por hospedeiro de uma estalagem ( isso está nas primeiras páginas).

Um evento incomum (para aquele lugar ermo) acontece. Surgem criaturas desconhecidas e também um homem, um escriba, que vai alterar a monótona vida de nosso querido Kvothe.

Kvothe, é aquele personagem que você não tem como não gostar, ele é um garoto esforçado, com uma tremenda má sorte, que luta pra superar. Sofreu muito, mas lutou é ganhou na vida, mesmo assim ele se perdeu pelo caminho, por causa da sua necessidade de vingança.

Esse volume deixou vários pontos em aberto, acredito que o intuito do autor seja arrematar tudo no próximo livro. Já estou ansiosa para iniciar a leitura.

Bjos!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s