Resenha: A Máquina do Tempo- H. G. Wells

7091661G1

Ficha Técnica: 

Título: A Máquina do Tempo

Autor: H. G. Wells

Editora: Alfaguara

Gênero: Literatura Estrangeira

ISBN: 9788579620089

Edição: 1º

Páginas: 152

Ano: 2010

Sinopse:

A Máquina do Tempo é o primeiro romance de H.G. Wells. Depois de vários rascunhos e versões, foi finalmente publicado em 1895, quando o autor tinha apenas 29 anos. O livro teve sucesso instantâneo no Reino Unido, e sua fama logo se espalhou por outros países. Chamado de “homem de gênio”, considerado um pioneiro, Wells abriu caminho não só para seus livros e sua visão de mundo, mas para novas possibilidades temáticas na literatura.
A Máquina do Tempo é o primeiro romance de H.G. Wells. Depois de vários rascunhos e versões, foi finalmente publicado em 1895. O livro teve sucesso instantâneo no Reino Unido, e sua fama logo se espalhou por outros países. Chamado de “homem de gênio”, considerado um pioneiro, Wells abriu caminho não só para seus livros e sua visão de mundo, mas para novas possibilidades temáticas na literatura.
Lançado agora em nova tradução pela Alfaguara, A Máquina do Tempo é o primeiro e mais importante romance moderno sobre viagens no tempo, e um clássico da literatura mundial. Com uma narrativa envolvente, H.G. Wells cria a fabulosa jornada de um cientista inglês a um mundo futuro, desconhecido e perigoso. Acompanhamos suas descobertas, seu deslumbramento e o horror que, aos olhos do viajante, aos poucos se anuncia.

Resenha:

Como o próprio nome já diz, esse é um livro sobre a invenção de uma máquina do tempo, que pode viajar para o tanto para o futuro, quanto para o passado.

O interessante é como um livro escrito em 1895, tem uma visão tão atual sobre o tema. A forma como o autor explica o conceito da quarta dimensão é surpreendente.

No livro, o criador da máquina do tempo faz uma viagem para o futuro. Ele encontra um mundo arrasado, e dois povos: Os Eloi, tipo de pessoas ingénuas e bonitas que vivem na superfície; e os Morlocks, uma versão deturpada dos seres humanos, que vivem no subterrâneo e que saem a noite para se alimentar dos indivíduos do primeiro grupo.

Ao regressar da viagem, o personagem principal narra os acontecimentos vividos para seus amigos, que tentam achar justificativas para não acreditar nele. Mesmo assim, o personagem vai chegando a algumas conclusões sobre o que aconteceu com a terra, e como a maquina do tempo funciona na realidade.

O livro é muito interessante, ele é curtinho, tem menos de 200 páginas, dá para ler em uma tarde. Em 2002, esse livro ganhou uma adaptação para o cinema, estreado por Guy Pearce e Jeremy Irons.

Para quem gosta de livros de ficção científica, não tem como deixar de ler esse, que é um dos mais importantes do gênero.

Bjos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s