Filme: A Múmia

A Múmia 

596203-272x400

Ficha Técnica

  • Titulo Original: The Mummy
  • Lançamento: 2017
  • Duração: 110 min
  • Gênero: Aventura/ Fantasia
  • Dirigido por: Alex Kurtzman
  • Elenco: Annabelle Wallis, Sofia Boutella, Tom Cruise

Sinopse:

i4ZougHEyBAboDpi6jsaTUDTjUl

Nas profundezas do deserto, uma antiga rainha (Sofia Boutella) cujo destino foi injustamente tirado está mumificada. Apesar de estar sepultada em sua cripta, ela desperta nos dias atuais. Com uma maldade acumulada ao longo dos anos, ela espelha terror desde as areais do Oriente Médio até os becos de Londres.

Resenha:

A Múmia é aquele filme mais ou menos, que te faz criar expectativa pelo thailer e acaba decepcionando no final. Todas as boas cenas já te foram reveladas de antemão, não restando nenhuma descoberta interessante para o final.

Devo confessar que gostava mais da versão de 1999, esse novo filme é mais do mesmo, só que sem todo o drama que nos prendeu naquele filme, até mesmo a atuação da mocinha e da vilã são apáticas.

Essa foi a primeira múmia interpretada por uma mulher, o que me fez esperar algo diferente, mais visceral, mas acabou por ser a história de uma princesinha mimada, que achava que ganharia o trono, e ao se ver posta de lado pelo nascimento do irmão, acabou fazendo um pacto com o mal.

Até as cenas de luta, são sem emoção, rápidas e em tons de escuro que prejudicam ao telespectador uma melhor visualização do que está acontecendo.

O que mais me desagradou foi o fato dessa Múmia não ser o foco principal do filme, passando esse cargo ao personagem de Tom Cruise, que seria usado para encarnar o seu amante, que ao ser ressuscitado governaria o mundo, tendo ela apenas como companheira.

O Filme também deu um enfoque muito grande a um suposto filme posterior que teria como pano de fundo o surgimento de monstros no mundo atual. Monstros esses que ao serem reencarnados em humanos, teriam a saga de rivalizar com eles, pela escolha do caminho a seguir.

Ao meu ver, esse filme não serviu nem como entreterimento, tendo uma das menores notas do ano.

O grande destaque foi a qualidade visual, causada pela maquiagem bem elaborada e por figurinos condizentes com a história a qual o filme se propunha.

Bjos!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s