Filme: Corra!

Corra!

1SwAVYpuLj8KsHxllTF8Dt9dSSX

Ficha Técnica

  • Titulo Original: Get Out
  • Lançamento: 2017
  • Duração: 104 min
  • Gênero: Terror
  • Dirigido por: Jordan Peele
  • Elenco: Allison Williams, Bradley Whitford, Catherine Keener, Daniel Kaluuya

Sinopse:

Agora que Chris e sua namorada, Rose, chegaram à fase de conhecer os pais no namoro, ela o convida para um fim de semana no interior com Missy e Dean. A princípio, Chris acha que o comportamento excessivamente agradável dos dois como tentativas nervosas de lidar com o relacionamento inter-racial da filha, mas, conforme o fim de semana avança, uma série de descobertas cada vez mais perturbadoras o levam a uma verdade que ele jamais poderia ter imaginado. Corra! – Get out

Resenha:

Que filme é esse? Gente, eu estou chocada com a dimensão da mensagem passada nessa obra. O diretor fugiu do lugar comum, é apresentou o preconceito racial em uma nova moldagem, que até hoje eu não tinha visto.

bdby99VtO45s8m4CChfVJcgqNc

Quando uma garota resolve levar seu namorado para casa, para apresentar aos seus pais, o que poderia facilmente ser visto em um filme fofinho, uma comédia romântica qualquer, em que os protagonistas superariam o preconceito da relação inter-racial, através do amor. Aqui foi apresentada sob a ótica dos filmes de terror, é simplesmente ficou perfeito!

Chris, é um homem afro-descendente, fotografo, bem sucedido, com uma boa relação social e amorosa (aparentemente). Ele sai vai passar um final de semana com a família da namorada, em um lugar ermo.

Ae58bf7Yj6OPzwKerPgXSnxCJdh

Nesse ponto a trama começa a se desenrolar, Chris percebe que na casa dos sogros tem alguns empregados negros, é eles no minimo estranhos, com atitudes forçadas, quase mecânica. Mas o que há de estranho? será só uma impressão?

Afinal de contas o que pode ter de errado em uma família branca, de suburbanos, que votaram em Obama? Eles parecem estar apenas nervosos, afinal de contas, esse é o primeiro contato que eles estão tendo.

Jordan Peele, um comediante conhecido e atualmente diretor, foi capaz de nos fazer ver que a maldade humana tem muitas facetas, e ela pode sim vir apresentada de forma amorosa e dócil.

Mas  o principal é confiar nos seus instintos, fomos moldados ao longo dos séculos, para fugir de situações perigosas. Então se você sentir aquele incomodo, aquele comichão que te causa ansiedade, respeite e fuja meu amigo. Não fiquei parado no lugar comum, no medo de ser grosseiro, pois a educação, pode sim te colocar em perigo e algumas pessoas de pouco caráter sabem disso e vão se aproveitar dessa fraqueza.

373932.jpg-r_620_260-f_jpg-q_x-xxyxx

Mas tenho que ser sincera, o maior sucesso desse filme se deve ao ator Daniel Kaluuya, que consegue nos passar tanto sentimento, apenas com um olhar ( acima).

Esse filme foi uma surpresa agradável, que eu pretendo indicar a todos. Estarei inclusive torcendo para que ele venha a concorrer no próximo Oscar, por sua mensagem subversiva.

Bjos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s