Resenha: A Caderneta Vemelha-Antoine Laurain

caderneta

Ficha Técnica: 

Título: A Caderneta Vermelha

Autor: Antoine Laurain 

Editora: Alfaguara

Gênero: Romances

ISBN: 9788556520135

Edição: 1º

Páginas: 135

Ano: 2016

Sinopse:

Caminhando Pelas Ruas De Paris Em Uma Manhã Tranquila, O Livreiro Laurent Letellier Encontra Uma Bolsa Feminina Abandonada. Não Há Nada Em Seu Interior Que Indique A Quem Ela Pertence – Nenhum Documento, Endereço, Celular Ou Informações De Contato. A Bolsa Contém, No Entanto, Uma Série De Outros Objetos. Entre Eles, Uma Curiosa Caderneta Vermelha Repleta De Anotações, Ideias E Pensamentos Que Revelam A Laurent Uma Pessoa Que Ele Certamente Adoraria Conhecer.Decidido A Encontrar A Dona Da Bolsa, Mas Tendo À Sua Disposição Pouquíssimas Pistas Que Possam Ajudá-Lo, Laurent Se Vê Diante De Um Dilema: Como Encontrar Uma Mulher, Cujo Nome Ele Desconhece, Em Uma Cidade De Milhões De Habitantes?

Resenha:

christine-reilly-austrc3a1lia-contemporc3a2nea-stgermain-oacr-sobre-tela

 

A Caderneta Vermelha é aquele tipo de romance açucarado, com o final previsível, mas ainda assim muito bom.

Temos uma mocinha, na faixa dos 35 anos, que é assaltada ao voltar para casa, perdendo assim sua bolsa e sendo agredida no processo. Em decorrência da agressão ela acaba entrando em coma.

Durante o período em que ficou em coma, um livreiro encontra a sua bolsa na rua, ele fica intrigado com o fato de uma bolsa em perfeito estado estar em cima de uma lixeira. Ele nunca antes tinha visto uma mulher se livrar de sua bolsa e nem de seus sapatos, logo ele chega a conclusão de que a dona daquela bolsa com certeza foi assaltada.

Como um bom samaritano ele tenta restituir a bolsa a sua dona, mas isso não vai ser uma tarefa fácil, primeiro os itens que ele encontrou parecem ser insuficientes, apesar de serem bem interessantes.

livro_acaderneta_vermelha

Ele se depara com um perfume, um chaveiro, uma presilha azul, um livro autografado e uma caderneta vermelha. Neste ultimo item a mulher escrevia trivialidades sobre seus gostos, seu dia e algumas listas do tipo eu gosto de…

O livro tem dois momentos, o primeiro e a busca feita por Laurent para encontrar a dona da bolsa e o segundo e quando essa o procura para o conhecer, depois que ele já devolveu seus pertences.

É difícil acreditar que uma mulher na faixa dos 35 anos fosse ser tão simples, beirando a linha do desinteressante e mesmo assim atrair um homem por  suas futilidades, mas é isso que acontece nesse livro.

Como disse, o romance em si não é dos melhores e nem acrescenta nenhum tipo de informação útil a vida do leitor, mas serve para distrair e passar o tempo de uma forma leve.

Bjos!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s