Resenha:A Garota Dinamarquesa

A Garota Dinamarquesa 

3

Ficha Técnica

  • Titulo Original: The Danish Girl
  • Lançamento: 2015
  • Duração: 119 min
  • Gênero: Biografia, Drama
  • Dirigido por: Tom Hooper
  • Elenco: Alicia Vikander, Eddie Redmayne, Tusse Silberg, Adrian Schiller

Sinopse:

44

Cinebiografia de Lili Elbe (Eddie Redmayne), que nasceu Einar Mogens Wegener e foi a primeira pessoa a se submeter a uma cirurgia de mudança de gênero. Em foco o relacionamento amoroso do pintor dinamarquês com Gerda (Alicia Vikander) e sua descoberta como mulher

Resenha:

É um filme impactante, que desperta uma descarga emocional no telespectador.

O filme é baseado no romance do autor  David Ebershoff, esse foi inspirado na vida das pintoras  Lili Elbe e Gerda Wegener.

3333

Lili era o codinome utilizado por um pintor dinamarques (Einar Mogens Wegener), casado com Gerda Wegener também pintora. Sendo que o primeiro pintava paisagens e era aclamado pelo público da época. Já Gerda pintava retratos e por muito tempo não foi reconhecida. Somente quando começou a pintar o seu marido travestido de mulher e que teve sua obra reconhecida. Eles passaram a fazer dessas seções de pintura uma constante em suas vidas, primeiro por diversão, posteriormente porquê Gerda  viu seu potencial artístico despertado, já Lili o fazia porquê era a única forma que tinha para se entregar aos seus impulsos mais íntimos.

333

Einar, descobre seu lado feminino, se encanta por ele e acaba sucumbindo a esse lado. Com a sua auto aceitação Einar recorre a vários profissionais e posteriormente a uma cirurgia experimental de mudança de sexo, sendo o primeiro homem a fazer tal procedimento.

Foi um período conturbado para o pintor e para sua esposa, eles não conheciam e nem entendiam o conceito de transsexual. Greta que amava perdidamente Einar, se viu perdendo o grande amor de sua vida e o companheiro de todas as horas, não que o amor entre os dois tenha acabado, mas Einar se aceitou como a mulher que ele realmente era por dentro, logo não se via tendo um relacionamento amoroso com outra. Eles mantiveram o carinho, respeito e amor apesar de tudo.

444

No desenrolar da história surge Hans Axgil, amigo de infância de Einar, garoto em que ele deu o seu primeiro beijo homossexual, e quem despertou esse lado nele inicialmente. Sendo que o local onde eles se beijaram foi o tema principal das pinturas Einar, por toda a sua vida. Hans Axgil torna-se amante de Gerda, surgindo assim um estranho triangulo amoroso.

Como o filme foi baseado em um livro em parte ficcional, esse deixou de abordar vários pontos importantes da vida dessas duas personalidades históricas. Primeiro Gerda tinha um segmento de arte erótica feminina e provavelmente era bissexual. Ela e Lili se distanciaram após o divórcio. Einar passou por duas cirurgias, a primeira de remoção dos órgãos sexuais masculinos foi bem sucedida, a segunda no entanto o matou, no filme não fica claro o motivo, que pareceu apenas uma infecção, mais na realidade foi a rejeição ao útero que lhe fora transplantado, como eu disse acima, tudo era experimental na época. Einar acreditava que poderia inclusive que um dia seria capaz de gerar um filho.

33Einar ou como preferia ser chamado ( Lili) foi com certeza uma mulher forte e a frente de seu tempo, infelizmente ela não  foi compreendida, como não seria ainda hoje, pelo menos por parte da população, mas isso não a impediu de correr atrás de seu sonho e de fazer o possível para  tornar esse real. Ela é um exemplo de vida.

Bjos!

 

 

 

 

Um comentário em “Resenha:A Garota Dinamarquesa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s