Resenha: Missa do Galo- Machado de Assis

4

Ficha Técnica: 

Título: Missa do Galo

Autor: Machado de Assis

Editora: Escala

Gênero: Infanto-Juvenil

ISBN: 9788537703915

Edição: 1º

Páginas: 40

Ano: 2008

Sinopse:

4444

Missa do Galo é a história de uma conversa na noite de Natal, antes da meia-noite, entre Nogueira, personagem principal do conto, e Conceição, dona da casa em que o personagem estava hospedado. Ricas ilustrações possibilitam ao leitor acompanhar passo a passo a narrativa e ter idéia do espaço, assim como do tempo em que se desenvolve a história. A obra apresenta um glossário que explicam expressões de época. Há também informações sobre o projeto e as ilustrações da Coleção Machado de Assis. O ilustrador conta que se inspirou em algumas fotografias urbanas do Rio de Janeiro, do século 19, que são mostradas no cont,o e permitem identificar o Largo do Paço, a Rua 1º. de Maio, as igrejas da Ordem Terceira do Carmo e da Candelária.

Resenha:

O conto é apresentado em primeira pessoa, sendo que Nogueira narra a história a partir de seu ponto de vista, vários anos após o ocorrido.

Nogueira era um jovem de 17 anos na época, e estava hospedado na casa de um parente distante ( tinha sido casado com sua tia, já falecida), e de sua segunda esposa Conceição.

Conceição era uma mulher quieta, observadora, de personalidade e feições moderadas, nada se sobressai nela, exceto sua bondade e o fato de ter aprendido a viver com os deslises do marido, que uma vez por semana dorme fora na casa de sua amante.

Era véspera de natal, Nogueira tinha se deixado ficar na cidade até aquela data, esperando para assistir a missa do galo, celebração católica, para ver se essa se distinguia muito da missa que ocorria no interior.

44

Ele marcou de chamar um vizinho para o acompanhar a igreja, quando chega-se a meia noite. Ficou então a ler um romance “Os três mosqueteiros”, que o distraía enquanto o horário não chegava. Seu tio estava fora, na casa da amante.

 

Nogueira foi surpreendido por Conceição, que se aproximou dele e começou a puxar assunto, todos da casa já dormiam e ele solicitou por várias vezes que ele moderasse o tom da voz, para não desperta-los.

Pelo que o autor passa, Conceição estava planejando aquilo, uma vez que não havia dormido e esperou que os demais o fizessem.

O conto é ambíguo quanto a ideia, de que houve ou não o desejo de seduzir por parte de Conceição. Uma vez que a conversa era estritamente comum é nada se sobressaia, falaram de livros, de quadros e diversos outros assuntos.

O que parecia era que Conceição estava sem sono é queria fazer companhia ao jovem, já que este se encontrava acordado. Porém a visão de Nogueira destoa dessa ideia, ele passa a insinuar ao leitor, que ela fazia muita questão de emendar um assunto no outro, não lhe dando tempo para pensar em sair, que parecia sim querer prende-lo lá, que ele desistisse da missa e ficasse com ela. Por vezes ela ficou em silêncio, pensativa, se aproximou dele e conversou aos cochichos.

444

Porém nada aconteceu, nenhum gesto que insinua-se nada além. Só o  que nos faz pensar que Conceição o desejava, era a própria ideia do garoto, mas esse mesmo não sabia se estava certo ou não, nunca tendo chegado a uma conclusão.

Assim como ocorre com a história de Capitu e Bentinho, novamente o leitor não tem como chegar a uma conclusão, sobre as intensões de Conceição. Podendo portanto ter partidários de sua inocência ou culpa, e ambos acharam argumentos fortes que os respaldem.

O fato é que meses depois o marido de Conceição falece, e essa casa-se novamente com o seu testamentário. Se já havia uma inclinação a achar um novo amor ou não, isso não sei afirmar.

O conto é excelente, como a maioria dos contos desse autor. A obra não tem de fato muito a ver com o natal, a não ser por ocorrer nesse período, de qualquer forma achei interessante incluí-la no “Projeto de Natal’ do blog.

Bjos!

 

 

Um comentário em “Resenha: Missa do Galo- Machado de Assis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s