Resenha- Para todos os garotos que já amei- Jenny Han

 

7

Ficha Técnica: 

Título: Para Todos Os Garotos Que Já Amei

Autor: Jenny Han

Editora: Intrinseca

Gênero: Literatura Estrangeira-Romance

ISBN: 9788580577266

Edição: 1º

Páginas: 320

Ano: 2015

 

Sinopse: 

Lara Jean guarda suas cartas de amor em uma caixa azul-petróleo que ganhou da mãe. Não são cartas que ela recebeu de alguém, mas que ela mesma escreveu. Uma para cada garoto que amou – cinco ao todo. São cartas sinceras, sem joguinhos nem fingimentos, repletas de coisas que Lara Jean não diria a ninguém, confissões de seus sentimentos mais profundos.
Até que um dia essas cartas secretas são misteriosamente enviadas aos destinatários, e de uma hora para outra a vida amorosa de Lara Jean sai do papel e se transforma em algo que ela não pode mais controlar.

Resenha:

Para iniciar, tenho que dizer que esse foi um dos melhores livros que li esse ano. Fiquei tão envolvida com a história,  em vários momentos me vi chorando em bicas, sofrendo as dores e dilemas da personagem. Afinal de contas é muito fácil se envolver em uma história que trata de amores adolescentes (que todos já passamos).

A autora soube captar com maestria esse sentimento que temos ao nos deparar com o primeiro amor e os conflitos decorrentes dele.

777

O livro conta a história de Lara Jean, garota asiática, filha do meio, que tem mais duas irmãs ( Kitty á cacula e Margot á mais velha). Lara mora só com o pai e as irmãs, após o falecimento de sua mãe. Até ai nada demais. Mas o interessante é que Lara tem uma fórmula, para esquecer os garotos por quem já se apaixonou, e que por um motivo ou outro não corresponderam ao seu amor. Ela escreve cartas de amor, contando todos os motivos que a fizeram se apaixonar, e principalmente os que a fizeram desistir desse amor, ou seja, na realidade ela escreve cartas de despedida, de exorcização.

Ao todo são escritas 5 cartas, essas são devidamente lacrada e guardadas em uma caixa azul- petróleo, que à sua mãe lhe deu quando criança, com o intuito de que ela vinhe-se à guardar, coisas importantes nela. O problema surge quando Margot, termina com o namorado Josh ( visto como membro da família, e considerado por essa como o bom moço), acaba o segundo grau, e vai fazer faculdade em outro país.

Nesse ponto da história surgem alguns conflitos, que vão se desenrolando aos poucos.

77

As cartas de Lara são postadas, e essa, só toma conhecimento desse fato ao ser abordada por Peter Kavinsky, um dos garotos por quem ela se apaixonou no passado. Deu para sentir o drama?. Pois é, mas o pior estava por vir, uma vez que uma das cartas foi enviada para o ex namorado da irmã.

O livro é interessantíssimo, narrado em primeira pessoa, por Lara. Em todos os momentos, dá para sentir a intensidade das emoções da personagem.  A diagramação é excelente. Não tem como deixar de indicar essa leitura.

Eu particularmente estou muito ansiosa pelo segundo livro da série, ainda sem data de lançamento no Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s